Home
Bem-vindo
Bem-vindo

Proseven 977 Quark - Aparelho de Ultrassom 1 MHz

  • Código: 001053
  • Marca: Quark
  • Disponibilidade: Pronta-entrega
  • Descrição: O Proseven 977 Full é um aparelho de terapia via ondas ultrassônicas de 1 Mhz, dotado de diagnóstico eletrônico, indicado para área de Fisioterapia para tratamentos de lesões crônicas, degenerativas, fibrosas, cicatriciais, principalmente patologias articulares, oferecendo ampla gama de recursos. Com display de fácil visualização, oferece facilidade na programação e visualização. Um diferencial desse aparelho é que a emissão das ondas ultrassônicas é indicada em uma barra gráfica no display. O Proseven conta ainda com 50 programas pré-definidos de tratamento de diversas patologias, conferindo maior comodidade ao profissional.
  • ...Veja mais informações
Proseven 977 Quark - Aparelho de Ultrassom 1 MHz
Proseven 977 Quark - Aparelho de Ultrassom 1 MHz
Proseven 977 Quark - Aparelho de Ultrassom 1 MHz
Proseven 977 Quark - Aparelho de Ultrassom 1 MHz
Proseven 977 Quark - Aparelho de Ultrassom 1 MHz
Proseven 977 Quark - Aparelho de Ultrassom 1 MHz
Proseven 977 Quark - Aparelho de Ultrassom 1 MHz
  • R$ 2.153,70
    em até 12x R$ 179,48 s/ juros
  • R$ 2.002,94- (7% à vista)
  • Retire este produto na loja
  • Vendido e entregue por ISP Saúde
  • R$ 2.002,94 no boleto bancário7% de desconto
  • R$ 2.002,94 em 1x no cartão7% de descontoMais opções de parcelamento

Descrição do Produto

O Proseven 977 Full é um aparelho de terapia via ondas ultrassônicas de 1 Mhz, dotado de diagnóstico eletrônico, indicado para área de Fisioterapia para tratamentos de lesões crônicas, degenerativas, fibrosas, cicatriciais, principalmente patologias articulares, oferecendo ampla gama de recursos. Com display de fácil visualização, oferece facilidade na programação e visualização. Um diferencial desse aparelho é que a emissão das ondas ultrassônicas é indicada em uma barra gráfica no display. O Proseven conta ainda com 50 programas pré-definidos de tratamento de diversas patologias, conferindo maior comodidade ao profissional.

Diferenciais e Benefícios

  • Portabilidade: aparelho compacto, permitindo atendimentos home care, tornando-se mais ágil;
  • Fácil visualização: a emissão de onda ultrassônica é indicada em uma barra gráfica no display;  
  • Comodidade: possui 58 programas pré-definidos, além de permitir que você altere os parâmetros (frequência, modulação, etc.) para aplicações mais variadas;
  • Sistema inteligente: dotado de diagnóstico eletrônico avisa quando há algum problema na emissão ultra-sônica.

Indicações

  • Lesões agudas e crônicas;
  • Lesões degenerativas;
  • Processos inflamatórios;
  • Fibroses;
  • Cicatrizes;
  • Espasmos;
  • Patologias articulares;
  • Entorses;
  • Luxações.

Efeitos fisiológicos

  • Efeitos térmicos: dão a origem à seus efeitos escleróticos e analgésicos, mas também a seus efeitos iatrogênicos: Antiespasmódico muscular, antálgico pela elevação do limiar doloroso das fibras nervosas e das terminações nervosas livres, aumento do fluxo sanguíneo local ou regional, álgicos,  efeitos metabólicos ao nível celular.
  • Efeitos não-térmicos: micro-movimentos particulares e as cavitações. A cavitação é uma formação de cavidades cheias de vapor ou gás no interior de um líquido em movimento quando a pressão em um ponto se torna inferior a tensão de vapor do mesmo. Um feixe de ultrassom que atravessa um líquido produz este fenômeno.

Associações terapêuticas

  • Laser Recover: o laser vermelho e infravermelho fornece analgesia, ativa o metabolismo celular, melhora a cicatrização, ativa a circulação sanguínea e linfática, atuando no maior aporte de nutrientes no tecido e redução do edema. Associado o ultrassom Proseven 977 potencializa o tratamento, obtendo resultados de uma maneira mais rápida e satisfatória.
  • Dualpex 961 Sport: aparelho de multicorrentes para tratamentos de analgesia e fortalecimento muscular. Associando as correntes ao ultrassom Proseven 977, possui ação anti-inflamatória e alívio da dor.

Informações Adicionais

  • Há vários agentes de transferência que são adequados, desde que possamos saber as compensações necessárias à fazer, para utilizar durante a sessão de tratamento:
  • Sub-aquático: devemos utilizar a água desgaseificada ou água destilada, colocada num recipiente que absorva o U.S. Para que sejam evitadas as reflexões indesejadas pelos seus lados (para isso poderemos adaptar num balde comum um revestimento tipo manta de borracha canelada utilizada na confecção de tapetes de automóveis);
  • Géis aquosos: este material possui propriedades acústicas similares a água;
  • Óleos ou Vaselina: a sua propriedade acústica não é tão boa quanto quanto dos géis e podem danificar o material do cabeçote. Recomenda-se não utilizar;
  • Emulsões e Pomadas em gel: também apresentam propriedades acústicas similares à água, mas deveremos utilizar uma dose mais alta para melhor absorção;
  • Métodos de aplicação
  • Estático: método utilizado para regiões pequenas e principalmente quando usarmos o trabalho de Modulação de Amplitude (envelope). Não esquecer que o uso do gel em abundância é necessário, pois ficaremos com o cabeçote estacionado no local. Importante: Nunca ultrapassar o tempo de 02 minutos. Ex: Epicondilite;
  • Semi-estático: método utilizado em movimentos circulares lentos numa área pequena e média. Também devemos utilizar um agente de transferência. Ex: Bursite, Tendinite;
  • Dinâmico: método utilizado mais em casos crônicos os movimentos circulares deverão ser razoavelmente mais rápidos. Usado em áreas grandes como coxa, trapézio. Ex: Lombalgia crônica;
  • Sub-aquático: como citado acima o recipiente poderá ser um balde revestido com material que absorva o U.S. (Evitar reflexões indesejadas pelos seus lados). A água desgaseificada ou destilada deve estar mantida à 37ºC. Não é necessário que haja contato entre o cabeçote do aparelho e a área a ser tratada, devido a boa transmissão do U.S. através da água. Vantagens: como o cabeçote não precisa tocar a área lesionada e dolorida, e também em casos de áreas irregulares como o dedo, haverá maior facilidade no tratamento

Conservação

  • Utilize apenas um pano umedecido com água para limpeza do equipamento. O transdutor deve ser limpo com escova, água e sabão (não utilizar vaselina) após sua utilização. A esterilização é desnecessária;
  • Não abra seu equipamento. Nele não há partes reparáveis pelo usuário. Isto deve ser feito por técnicos especializados, devidamente credenciados;
  • Verifique diariamente o transdutor o cabo e conector observando a possível presença de trincas, fissuras e mau contato;
  • Sugere-se que a manutenção preventiva periódica e aferição seja feita anualmente diretamente na fábrica, não sendo obrigatória por se tratar de equipamento microprocessado;
  • Apenas os acessórios fornecidos diretamente pela fábrica deverão ser utilizados no equipamento, com exceção do gel.

Contraindicações

  • Portadores de próteses metálicas;
  • Portadores de implantes metálicas;
  • Gestantes;
  • Tumores;
  • Diabetes Mellitus;
  • Sobre a região orbicular e cardíaca;
  • Sobre órgãos reprodutores;
  • Crânio;
  • Medula espinal;
  • Epífise de crescimento;
  • Áreas tratadas por radioterapia;
  • Hipoestesias profundas;
  • Locais e afecções com tendência a hemorragias;
  • Implantes recentes e fraturas não consolidadas.

Especificações Técnicas

  • Central de controle com microprocessador;
  • Tela de cristal líquido;
  • Ultrassom: 1 MHz;
  • Potência: 7 Watts;
  • ERA: 3,8 cm2;
  • Modo: Contínuo e Pulsado;
  • Forma de onda: Retangular;
  • Duração de pulso: 01 a 31 ms;
  • Pulso: 62, 20 e 10 ms;
  • Duty Factor: 10, 20 e 50%;
  • Frequência: 16, 48 e 100 Hz;
  • Cabeçote a prova d'água;
  • 58 Programas pré-programados, com possibilidade de alterações de parâmetros;
  • Timer: 01 a 30 minutos; 
  • Potência de Entrada: 60Hz (115 a 127 V - 210 a 230 V) - 40VA.

Itens Inclusos

  • 01 Aparelho;
  • 01 Cabo de força;
  • 01 Cabeçote emissor;
  • 01 Bisnaga de gel;
  • 01 Manual de operação.

Ficha Técnica

Potência07 Watts
ERA3,8 cm2
Terapia Ultrassom01MHz
Protocolos58 Programados, permitindo alterações de parâmetros
Terapia combinadaNão
TerapiaUltrassom
ModoContínuo e Pulsado

Pesos e Medidas

  • Dimensões do produto
  • Dimensões (C x L x A)
  • 27.0 x 30.0 x 10.5 cm
  • Peso Kg
  • 2.267
  • Dimensões da embalagem
  • Dimensões Embalado (C x L x A)
  • 33.0 x 35.0 x 15.5 cm
  • Peso Embalado Kg
  • 3.109

Perguntas Frequentes

  • Utilize apenas um pano umedecido com água para limpeza do equipamento. O transdutor deve ser limpo com escova, água e sabão após sua utilização (não utilizar vaselina). A esterilização é desnecessária.
  • Sim, recomenda-se uma aferição a cada 06 meses ou toda vez que o cabeçote cair no chão, apresentar trincas, ou algum tipo de ruído. Só assim poderá ser realizada uma terapia eficaz com doses realmente confiáveis.
  • Para testar a emissão das ondas de ultrassom é só colocar água sem gás em cima da área de radiação e ligar o aparelho, se a água começar a vibrar de forma homogênea é sinal que está havendo a emissão de ondas, caso contrário o equipamento deve ser encaminhado para a assistência técnica.
  • Devido a não uniformidade do feixe de ultrassom, o cabeçote não deve ficar parado sobre um mesmo local. Também não deve ser movimentado muito rápido, pois não haveria tempo do tecido entrar em ressonância. O melhor procedimento é o movimento circular-deslocado, numa velocidade de 01 a 02 cm/segundo.
  • O ultrassom de 01 MHz é usado em estruturas mais profundas (músculos, tendões, bursas) pois ele é pouco absorvido em estruturas superficiais e em tecido adiposo. Ao contrário, o ultrassom de 03 MHz deverá ser usado em estruturas superficiais, pois a energia é absorvida nos tecidos que estiverem entre 01 e 02 cm abaixo da superfície da pele.
  • Não é indicado o uso do ultrassom por mais de 20 minutos pelos efeitos secundários que ele pode produzir, tais como: redução do nível de glicose no sangue, fadiga, irritação, anorexia, stress e até tendências a resfriados (acredita-se que estes efeitos podem ocorrer em doses excessivas).
  • O gel ideal para trabalho com qualquer tipo de ultrassom deve ser desprovido de bolhas, com aspecto límpido, transparente, inodoro e sem a presença de aditivos (álcool, essências, etc). A quantidade ideal de gel é aquela que permite que o cabeçote deslize livremente, sem aderir a pele do paciente.
  • Não é aconselhável, pois geralmente após o seu uso em uma região há a formação de microbolhas, seu aspecto se torna turvo, o que indicará uma má condução.
  • O gel que já perdeu a condutividade tornando-se desta forma leitoso , opaco, quantidade insuficiente do mesmo, movimentos muito rápidos ou girar muitas vezes no mesmo lugar, e principalmente a falta de acoplamento do cabeçote.
  • Informações do Produto

    Descrição do Produto

    O Proseven 977 Full é um aparelho de terapia via ondas ultrassônicas de 1 Mhz, dotado de diagnóstico eletrônico, indicado para área de Fisioterapia para tratamentos de lesões crônicas, degenerativas, fibrosas, cicatriciais, principalmente patologias articulares, oferecendo ampla gama de recursos. Com display de fácil visualização, oferece facilidade na programação e visualização. Um diferencial desse aparelho é que a emissão das ondas ultrassônicas é indicada em uma barra gráfica no display. O Proseven conta ainda com 50 programas pré-definidos de tratamento de diversas patologias, conferindo maior comodidade ao profissional.

    Diferenciais e Benefícios

    • Portabilidade: aparelho compacto, permitindo atendimentos home care, tornando-se mais ágil;
    • Fácil visualização: a emissão de onda ultrassônica é indicada em uma barra gráfica no display;  
    • Comodidade: possui 58 programas pré-definidos, além de permitir que você altere os parâmetros (frequência, modulação, etc.) para aplicações mais variadas;
    • Sistema inteligente: dotado de diagnóstico eletrônico avisa quando há algum problema na emissão ultra-sônica.

    Indicações

    • Lesões agudas e crônicas;
    • Lesões degenerativas;
    • Processos inflamatórios;
    • Fibroses;
    • Cicatrizes;
    • Espasmos;
    • Patologias articulares;
    • Entorses;
    • Luxações.

    Efeitos fisiológicos

    • Efeitos térmicos: dão a origem à seus efeitos escleróticos e analgésicos, mas também a seus efeitos iatrogênicos: Antiespasmódico muscular, antálgico pela elevação do limiar doloroso das fibras nervosas e das terminações nervosas livres, aumento do fluxo sanguíneo local ou regional, álgicos,  efeitos metabólicos ao nível celular.
    • Efeitos não-térmicos: micro-movimentos particulares e as cavitações. A cavitação é uma formação de cavidades cheias de vapor ou gás no interior de um líquido em movimento quando a pressão em um ponto se torna inferior a tensão de vapor do mesmo. Um feixe de ultrassom que atravessa um líquido produz este fenômeno.

    Associações terapêuticas

    • Laser Recover: o laser vermelho e infravermelho fornece analgesia, ativa o metabolismo celular, melhora a cicatrização, ativa a circulação sanguínea e linfática, atuando no maior aporte de nutrientes no tecido e redução do edema. Associado o ultrassom Proseven 977 potencializa o tratamento, obtendo resultados de uma maneira mais rápida e satisfatória.
    • Dualpex 961 Sport: aparelho de multicorrentes para tratamentos de analgesia e fortalecimento muscular. Associando as correntes ao ultrassom Proseven 977, possui ação anti-inflamatória e alívio da dor.

    Informações Adicionais

    • Há vários agentes de transferência que são adequados, desde que possamos saber as compensações necessárias à fazer, para utilizar durante a sessão de tratamento:
    • Sub-aquático: devemos utilizar a água desgaseificada ou água destilada, colocada num recipiente que absorva o U.S. Para que sejam evitadas as reflexões indesejadas pelos seus lados (para isso poderemos adaptar num balde comum um revestimento tipo manta de borracha canelada utilizada na confecção de tapetes de automóveis);
    • Géis aquosos: este material possui propriedades acústicas similares a água;
    • Óleos ou Vaselina: a sua propriedade acústica não é tão boa quanto quanto dos géis e podem danificar o material do cabeçote. Recomenda-se não utilizar;
    • Emulsões e Pomadas em gel: também apresentam propriedades acústicas similares à água, mas deveremos utilizar uma dose mais alta para melhor absorção;
    • Métodos de aplicação
    • Estático: método utilizado para regiões pequenas e principalmente quando usarmos o trabalho de Modulação de Amplitude (envelope). Não esquecer que o uso do gel em abundância é necessário, pois ficaremos com o cabeçote estacionado no local. Importante: Nunca ultrapassar o tempo de 02 minutos. Ex: Epicondilite;
    • Semi-estático: método utilizado em movimentos circulares lentos numa área pequena e média. Também devemos utilizar um agente de transferência. Ex: Bursite, Tendinite;
    • Dinâmico: método utilizado mais em casos crônicos os movimentos circulares deverão ser razoavelmente mais rápidos. Usado em áreas grandes como coxa, trapézio. Ex: Lombalgia crônica;
    • Sub-aquático: como citado acima o recipiente poderá ser um balde revestido com material que absorva o U.S. (Evitar reflexões indesejadas pelos seus lados). A água desgaseificada ou destilada deve estar mantida à 37ºC. Não é necessário que haja contato entre o cabeçote do aparelho e a área a ser tratada, devido a boa transmissão do U.S. através da água. Vantagens: como o cabeçote não precisa tocar a área lesionada e dolorida, e também em casos de áreas irregulares como o dedo, haverá maior facilidade no tratamento

    Conservação

    • Utilize apenas um pano umedecido com água para limpeza do equipamento. O transdutor deve ser limpo com escova, água e sabão (não utilizar vaselina) após sua utilização. A esterilização é desnecessária;
    • Não abra seu equipamento. Nele não há partes reparáveis pelo usuário. Isto deve ser feito por técnicos especializados, devidamente credenciados;
    • Verifique diariamente o transdutor o cabo e conector observando a possível presença de trincas, fissuras e mau contato;
    • Sugere-se que a manutenção preventiva periódica e aferição seja feita anualmente diretamente na fábrica, não sendo obrigatória por se tratar de equipamento microprocessado;
    • Apenas os acessórios fornecidos diretamente pela fábrica deverão ser utilizados no equipamento, com exceção do gel.

    Contraindicações

    • Portadores de próteses metálicas;
    • Portadores de implantes metálicas;
    • Gestantes;
    • Tumores;
    • Diabetes Mellitus;
    • Sobre a região orbicular e cardíaca;
    • Sobre órgãos reprodutores;
    • Crânio;
    • Medula espinal;
    • Epífise de crescimento;
    • Áreas tratadas por radioterapia;
    • Hipoestesias profundas;
    • Locais e afecções com tendência a hemorragias;
    • Implantes recentes e fraturas não consolidadas.

    Especificações Técnicas

    • Central de controle com microprocessador;
    • Tela de cristal líquido;
    • Ultrassom: 1 MHz;
    • Potência: 7 Watts;
    • ERA: 3,8 cm2;
    • Modo: Contínuo e Pulsado;
    • Forma de onda: Retangular;
    • Duração de pulso: 01 a 31 ms;
    • Pulso: 62, 20 e 10 ms;
    • Duty Factor: 10, 20 e 50%;
    • Frequência: 16, 48 e 100 Hz;
    • Cabeçote a prova d'água;
    • 58 Programas pré-programados, com possibilidade de alterações de parâmetros;
    • Timer: 01 a 30 minutos; 
    • Potência de Entrada: 60Hz (115 a 127 V - 210 a 230 V) - 40VA.

    Itens Inclusos

    • 01 Aparelho;
    • 01 Cabo de força;
    • 01 Cabeçote emissor;
    • 01 Bisnaga de gel;
    • 01 Manual de operação.

    Ficha Técnica

    Potência07 Watts
    ERA3,8 cm2
    Terapia Ultrassom01MHz
    Protocolos58 Programados, permitindo alterações de parâmetros
    Terapia combinadaNão
    TerapiaUltrassom
    ModoContínuo e Pulsado

    Pesos e Medidas

    • Dimensões do produto
    • Dimensões (C x L x A)
    • 27.0 x 30.0 x 10.5 cm
    • Peso Kg
    • 2.267
    • Dimensões da embalagem
    • Dimensões Embalado (C x L x A)
    • 33.0 x 35.0 x 15.5 cm
    • Peso Embalado Kg
    • 3.109

    Perguntas Frequentes

  • Utilize apenas um pano umedecido com água para limpeza do equipamento. O transdutor deve ser limpo com escova, água e sabão após sua utilização (não utilizar vaselina). A esterilização é desnecessária.
  • Sim, recomenda-se uma aferição a cada 06 meses ou toda vez que o cabeçote cair no chão, apresentar trincas, ou algum tipo de ruído. Só assim poderá ser realizada uma terapia eficaz com doses realmente confiáveis.
  • Para testar a emissão das ondas de ultrassom é só colocar água sem gás em cima da área de radiação e ligar o aparelho, se a água começar a vibrar de forma homogênea é sinal que está havendo a emissão de ondas, caso contrário o equipamento deve ser encaminhado para a assistência técnica.
  • Devido a não uniformidade do feixe de ultrassom, o cabeçote não deve ficar parado sobre um mesmo local. Também não deve ser movimentado muito rápido, pois não haveria tempo do tecido entrar em ressonância. O melhor procedimento é o movimento circular-deslocado, numa velocidade de 01 a 02 cm/segundo.
  • O ultrassom de 01 MHz é usado em estruturas mais profundas (músculos, tendões, bursas) pois ele é pouco absorvido em estruturas superficiais e em tecido adiposo. Ao contrário, o ultrassom de 03 MHz deverá ser usado em estruturas superficiais, pois a energia é absorvida nos tecidos que estiverem entre 01 e 02 cm abaixo da superfície da pele.
  • Não é indicado o uso do ultrassom por mais de 20 minutos pelos efeitos secundários que ele pode produzir, tais como: redução do nível de glicose no sangue, fadiga, irritação, anorexia, stress e até tendências a resfriados (acredita-se que estes efeitos podem ocorrer em doses excessivas).
  • O gel ideal para trabalho com qualquer tipo de ultrassom deve ser desprovido de bolhas, com aspecto límpido, transparente, inodoro e sem a presença de aditivos (álcool, essências, etc). A quantidade ideal de gel é aquela que permite que o cabeçote deslize livremente, sem aderir a pele do paciente.
  • Não é aconselhável, pois geralmente após o seu uso em uma região há a formação de microbolhas, seu aspecto se torna turvo, o que indicará uma má condução.
  • O gel que já perdeu a condutividade tornando-se desta forma leitoso , opaco, quantidade insuficiente do mesmo, movimentos muito rápidos ou girar muitas vezes no mesmo lugar, e principalmente a falta de acoplamento do cabeçote.